Questions? Feedback? powered by Olark live chat software
(11) 99111-9425
(11) 3031-3599

País para mudar: como escolher o melhor?

Por Administrativo junho 25, 2019
mulher olhando janela do avião

Muitas pessoas têm o sonho de morar fora do Brasil e por isso procuram o país para mudar que seja ideal ao seus planos. Essa é uma ótima oportunidade  para conhecer uma nova cultura, reconstruir a vida do zero, conhecer pessoas diferentes e aprender uma nova língua.

Contudo, essa não é uma escolha fácil e requer muito planejamento, já que, para escolher o país para se mudar, é preciso pensar em quanto dinheiro levar, como arranjar um trabalho, se você sabe falar a língua do local e outros detalhes que fazem toda a diferença na hora de tomar uma boa decisão.

Há anos viemos realizamos o sonho de mais de 9.000 dos nossos alunos de francês de ir morar na França, prestando consultoria para estudar no país, por isso hoje reunimos nossa experiência para te dar os passos essenciais para escolher o melhor país para mudar!

1. Pense a longo prazo

Não decida sair do Brasil impulsivamente, pense detalhadamente na situação, saiba que se mudar requer organização e, mais do que isso, um visto para morar no país escolhido caso você não tenha um passaporte que te dê acesso. Pesquise mais sobre as oportunidades de estudos e trabalho nos determinados locais. Trabalho e estudos são as maneiras mais conhecidas de conseguir um visto, além de serem as formas que trazem mais benefícios pessoais.

 

2. Custo de vida

Pesquise um pouco sobre o custo de vida dos países que você pensa em se mudar, veja o preço do aluguel, do transporte público e de uma compra do mês. Sabendo a quantidade mínima de dinheiro que você vai gastar por mês, você deve pesquisar quão bem remunerada é sua profissão nesse país. Só assim você vai saber se o custo de vida compensa.

 

3. Mercado de trabalho

Procure saber sobre as ofertas de emprego  do seu campo de atuação naquele país  Isso é muito importante, porque a maioria dos estrangeiros tem dificuldade de se inserir no mercado de trabalho de um outro país, muito devido à barreira linguística, já que, na maioria dos casos, são os estrangeiros com bom nível do idioma local que conseguem encontrar mais facilmente um emprego dentro de suas áreas.

Para saber as possíveis oportunidades de trabalho, faça uma pesquisa rápida no Linkedin e veja as possibilidades para você.

 

4. Tenha um bom nível da língua local

Esse é outro ponto importante, porque mesmo com a imersão 24h na língua estrangeira, não há garantia que você vai aprender a língua rapidamente. Somada a isso, está a sua necessidade de arranjar emprego que pode diminuir se tiver um nível básico do idioma local

Por isso, recomendamos que você escolha um país cuja língua você conheça ou que esteja disposto a estudar.

Para os falantes de português, uma opção interessante são as línguas latinas como: espanhol, francês e italiano, pois quem fala português pode sentir mais facilidade em aprendê-las, devido à familiaridade entre elas.

 

5. Qualidade de vida

A qualidade de vida oferecida pelo país e pela cidade que você escolher vai influenciar diretamente a sua adaptação no local. Se questione sobre o tipo de vida que você quer ter e selecione um país para mudar com base nisso. Procure grupos de brasileiros no Facebook que moram na sua futura cidade e recolha seus depoimentos, algumas cidades recebem melhor imigrantes do que outras, e esse pode ser um fator importante a se considerar.

Confira mais dicas! Já pensou em se mudar pra França?

Social Shares

Artigos relacionados

Escrever comentários

Your email address will not be published. Required fields are marked *